Barra de vídeo

Loading...

26 de fev de 2010

FIDELIDADE

"Estejam cingidos os vossos lombos e acesas as vossas candeias; e sede semelhantes a homens que esperam o seu senhor, quando houver de voltar das bodas, para que, quando vier e bater, logo possam abrir-lhe. Bem-aventurados aqueles servos, aos quais o senhor, quando vier, achar vigiando! Em verdade vos digo que se cingirá, e os fará, reclinar-se à mesa e, chegando-se, os servirá" (Lucas 12: 35-37).
Ontem, realizamos nossa reunião de planejamento para as atividades que estaremos realizando ao longo do nosso ano eclesiástico. Em nossa expectativa muitos planos de trabalho são elaborados, mas a palavra de Deus nos adverte em Provérbios 19: 21 que “Muitos são os planos no coração do homem, mas o designo do Senhor, esse prevalecerá”.
De uma coisa eu tenho a certeza absoluta: Deus conta conosco, com a nossa prontidão para o serviço, com a nossa fidelidade incondicional. Ele é o senhor, o dono da obra e nós, seus mordomos. Na linguagem paulina, “despenseiros dos mistérios de Deus e Ele requer que cada de nós seja encontrado fiel”. (I Co 4: 1-2).
Diante de um mundo em que o contexto é caracterizado pela infidelidade, temos o dever como crentes de nos esforçarmos por andar na contra mão dos conceitos que a sociedade hodierna tem abraçado. Conceitos e valores distorcidos, em que cada um é juiz dos seus próprios atos e pensamentos e que ninguém tem que prestar contas a ninguém. É a quebra dos paradigmas: da autoridade dos pais no lar, do professor na escola, do pastor na igreja, do juiz na justiça, e assim vai. A hierarquia de valores está totalmente subvertida.
É para um tempo desafiador como este que Deus nos convida a fazer a diferença e Ele o faz com a promessa de que “O homem fiel, gozará de abundantes bênçãos” (Pv 28:20). Assim sendo ao nos colocarmos diante de mais uma etapa de trabalho, Deus espera de nós a fidelidade que abrange a totalidade do nosso ser: pensamentos, sentimentos, ações, atitudes, palavras e etc.
O texto epigrafado afirma que será muito feliz aquele que quando o senhor vier achar vigiando, isto é, for encontrado atento, fiel, comprometido. Seria oportuno, nesse tempo, fazermos uma análise pessoal e responder sinceramente sobre nossa postura de fidelidade a Deus, pois isto se reflete nos principais setores da vida e quando não exercitado causa grande prejuízo ou compromete a vida pessoal e coletiva.
A prontidão para o serviço, portanto, é não somente a expectativa de desenvolver uma tarefa, mas a disposição e desejo de ser encontrado FIEL na minha vida com Deus, comigo mesmo, na minha família, na igreja do Senhor e no meu trabalho.
O senhor nos abençoe e nos ajude a viver uma vida de FIDELIDADE, honrando-O e glorificando o Seu nome, pois Ele nos escolheu para uma importante missão neste mundo, dizer que DEVEMOS SER FIÉIS por que: ELE É FIEL!!
Do seu amigo,
Pr. Geovani Colares.

Nossa Igreja em Ação - 28/02 a 06/03

DOMINGO (28)
7:00h - Culto de oração dirigido pelo grupo de
Intercessores Voluntários.
8:00h - EBD 1º turno
9:00h - Culto Matutino
Adoração, louvor e mensagem bíblica.
Mensagem: Pr. Geovani Colares
10:45h - EBD 2º Turno
19:00h - Culto Vespertino
Música, inspiração e proclamação.
Convidemos visitantes não crentes.
Mensagem: Pr. Geovani Colares
SEGUNDA (01)
10:00h - Atendimento Social
19:30h - Ensaio do Coro Cantares

TERÇA (02)
18:30h - Ensaio do Grupo Musicanto
19:00h - EBD Classe Alternativa
Escola de Pais
Reunião dos Embaixadores do Rei
19:30h - Ensaio do Ministério Vida Ativa
Culto no lar da irmão Nerina
Estr. Geral, 16 - Jd. Almo - Tel.: 2761-6067

QUARTA (03)
10:00h - Atendimento Social
19:30h - Culto de oração e estudo da bíblia.
Venha com toda sua família.
QUINTA (04)
8:00h - PROMHI - Projeto Mulheres e Homens
Intercessores. Venha e participe!
14:00h às 18:00h - Atendimento Pastoral
19:30h - Culto do Grupão (Casais que fizeram encontro).

SEXTA (05)
14:00 às 18:00h - Tarde de visitação

SÁBADO (06)
19:30h - Celebração dos Jovens e Adolescentes

11 de fev de 2010

Deus cuida de nós

"Por isso vos digo: Não estejais ansiosos quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer, ou pelo que haveis de beber: Nem quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o alimento, e o corpo mais do que o vestuário? (Mateus 6:25)"

A preocupação ou ansiedade é um dos males que mais atormentam o homem. Sabendo disso, nos ensinos do Sermão do Monte, Jesus aborda o tema, personalizando a preocupação "considerando-a um poder, quase uma personalidade, que se apossa de você, e que, a despeito do que possa fazer, fica argumentando com você, apresentando uma razão após outra. E isso conduz o indivíduo àquela curiosíssima situação em que ele quase deseja não ser aliviado e libertado" (Lloyd-Jones). Na lição que hoje estudamos na Escola Bíblica Discipuladora estudamos que "Tudo vai bem se confiamos em Deus" e apesar de muitas vezes tudo parecer difícil e contrário, precisamos descobrir como isso pode ser uma realidade em nosso viver de cada dia. Jesus Cristo por três vezes, no referido sermão repete o termo "não estejais inquietos" ou ansiosos, mas qual é a maneira que resolveremos este grave problema que ao que parece cada dia que passa aumenta sobremaneira a ponto de ser a causa de doenças gravíssimas que no contexto presente tem ceifado muitas vidas.

Em primeiríssimo lugar, precisamos confiar mais em Deus. Grande parte de nossas preocupações vem como consequência da falha de não aprendermos o bastante sobre a nossa própria fé e não aplicá-la. A fé não desenvolve automaticamente e para descobrir como funciona isso, deveríamos fazer como o salmista, conversar conosco mesmo, questionando as razões de nossas inquietações e dizer "Por que está abatida, o minha alma? E por que te perturbas dentro de mim?" (Salmo 42:5). O filho de Deus conversa consigo; ele raciona consigo e muitas vezes, nesses confrontos, descobre maneiras de recusar a aceitar pensamentos ansiosos. É um exercício de fé que precisamos desenvolver em nossa vida.

Em segundo lugar, a palavra de Deus, além dos ensinos do texto já citado na epígrafe, dentre outros, na carta de Paulo aos Filipenses (cp. 4), temos a receita ou o antídoto para a cura das ansiedades: A ORAÇÃO. E aqui, meus queridos irmãos, vai um apelo: façamos da oração a nossa prática de vida para que sejamos curados, lembrando sempre de que nada poderá nos sobrevir sem a permissão de Deus e que Ele não possa prover um meio de escape. Jamais seremos submetidos a qualquer prova que ultrapasse as nossas forças. Haverá sempre um remédio porque:

DEUS CUIDA DE NÓS.

Louvado seja o nome do Senhor!

Pr. Geovani Colares

Nossa Igreja em Ação - 21/fev a 27/fev

DOMINGO (21)
7:00h - Culto de oração dirigido pelo grupo de
Intercessores Voluntários.
8:00h - EBD 1º turno
9:00h - Culto Matutino
Adoração, louvor e mensagem bíblica.
Mensagem: Pr. Geovani Colares
10:45h - EBD 2º Turno
19:00h - Culto Vespertino
Música, inspiração e proclamação.
Convidemos visitantes não crentes.
Mensagem: Pr. Geovani Colares

SEGUNDA (22)
10:00h - Atendimento Social

TERÇA (23)
18:30h - Ensaio do Grupo Musicanto
19:00h - EBD Classe Alternativa
Escola de Pais
Reunião dos Embaixadores do Rei
19:30h - Ensaio do Ministério Vida Ativa

QUARTA (24)
10:00h - Atendimento Social
19:30h - Culto de oração e estudo da bíblia.
Venha com toda sua família.

QUINTA (25)
8:00h - PROMHI - Projeto Mulheres e Homens
Intercessores. Venha e participe!

SEXTA (26)
14:00 às 18:00h - Tarde de visitação

SÁBADO (27)
ENCONTROS EM FAMÍLIA

5 de fev de 2010

Nossa Igreja em Ação - 07/fev a 13/fev

DOMINGO (07)
7:00h - Culto de oração dirigido pelo grupo de
Intercessores Voluntários.
8:00h - EBD 1º turno
9:00h - Culto Matutino
Adoração, louvor e mensagem bíblica.
Mensagem: Pr. Geovani Colares
10:45h - EBD 2º Turno
19:00h - Culto Vespertino
Música, inspiração e proclamação.
Convidemos visitantes não crentes.
Mensagem: Pr. Geovani Colares

SEGUNDA (08)
10:00h - Atendimento Social

TERÇA (09)
18:30h - Ensaio do Grupo Musicanto
19:00h - EBD Classe Alternativa
Escola de Pais
Reunião dos Embaixadores do Rei
19:30h - Ensaio do Ministério Vida Ativa

QUARTA (10)
10:00h - Atendimento Social
19:30h - Culto de oração e estudo da bíblia.
Venha com toda sua família.

QUINTA (11)
8:00h - PROMHI - Projeto Mulheres e Homens
Intercessores. Venha e participe!

SEXTA (12)
14:00 às 18:00h - Tarde de visitação

SÁBADO (13)
ENCONTROS EM FAMÍLIA

Escolhas para um legado duradouro...

“Se alguém constrói sobre esse alicerce[Jesus Cristo] usando ouro, prata, pedras preciosas, madeira, feno ou palha, sua obra será mostrada, porque o Dia a trará à luz: pois será revelada pelo fogo, que provará a qualidade da obra de cada um. Se o que alguém construiu permanecer, esse receberá recompensa.” ( I Co. 3:12-14)

A cada dia precisamos escolher os materiais – temporais ou eternos – com os quais construiremos a vida. Se seu desejo é garantir um legado mais duradouro que você, serão necessários três materiais básicos nessa construção:
O primeiro são as convicções, ou seja, aquilo que defendemos. Convicções são valores fundamentais da Palavra de Deus que nunca mudam; são eternos. Tendências e estilos vêm e vão, “mas a Palavra do nosso Deus permanece para sempre” (Is. 40.8). Basta passar os olhos pelas notícias para perceber que até mesmo os estudos considerados científicos variam ou diferem grandemente em suas conclusões. Numa semana, o café é benéfico para a saúde; na seguinte, leva á hipertensão. Num mês, a dieta de proteínas é mais prejudicial do que benéfica; no seguinte, é a última moda. Psicologia popular, tendências de moda,listas dos mais vendidos,tudo isso vem e vai, mas a Palavra de Deus é sólida e segura, e não muda um único milímetro. Era verdade há milhares de anos, é verdade hoje e permanecerá no futuro.
Se nosso desejo é construir um legado eterno, então nossas convicções precisam basear-se na Palavra de Deus. (...) Uma convicção é um valor fundamental da Palavra de Deus que nos ancora, nos molda, permeia nossa vida e se transforma numa parte tão grande de nós que passa a ser exatamente aquilo que somos.
Outro material de construção eterno surge em nosso caráter. Ao morrermos, não levamos nada conosco, a não ser nosso caráter, quem somos no íntimo. Desde o início Deus teve um plano, ou seja, fazer você mais semelhante a Jesus Cristo, seu Filho. (...)
Deus usa vários métodos para cultivar o caráter de Cristo em nós. O primeiro são os problemas da vida(...) Se aceitarmos os problemas como oportunidades para confiar em Deus e nos tornarmos mais semelhantes a Cristo, quase não restará espaço para preocupação, autocomiseração ou irritação conosco.
Deus também usa as pressões da vida para aparar arestas (...) Nas situações em que somos espremidos, sempre se extrai o que está dentro de nós, bom ou ruim. Podemos reconhecer nossas limitações e convidar Deus a trabalhar em nossa vida ou insistir em fazer tudo de nosso jeito, mesmo que nossos esforços sejam inúteis.
Por fim, Deus usa as pessoas para enriquecer nosso caráter e eliminar arestas egoístas que nos impedem de amar da maneira que Cristo ama. Sempre há em nossa vida uma pessoa difícil de ser amada. O simples fato de amarmos não significa que o relacionamento será fácil. Lembre-se de que Deus usa as pessoas como um cinzel para eliminar tudo em sua vida que não se pareça com Jesus Cristo,de modo que possa transformar você numa obra de arte. (...)
Se construirmos nossa vida sobre convicções, caráter e comunhão, estabeleceremos um memorial eterno que beneficiará um número incontável de vidas por gerações e gerações.Teremos investido nossa vida na criação de uma ponte que,por fim, levará outras pessoas a Deus. Não há legado mais gratificante.

(Extraído do livro: Um mês para viver )