Barra de vídeo

Loading...

23 de dez de 2009

Nossa Igreja em Ação - 27/12/2009 a 02/01/2010

DOMINGO (27)
7:00h - Culto de oração dirigido pelo grupo de
Intercessores Voluntários.
8:00h - EBD 1º turno
9:00h - Culto Matutino - Celebração a Deus e gratidão
por aqueles que foram instrumentos para
abençoar a nossa vida no ano de 2009.
10:45h - EBD 2º Turno
19:00h - Culto Vespertino
Adoração, louvor e proclamação.
Convidemos visitantes não crentes.

SEGUNDA (28)
10:00h - Atendimento Social
19:30h - Culto de Gratidão pela vida da irmã Rosa
Manginfesti na casa dos irmãos Guaraci e
Rosângela na Rua Firmino Leite, 415

TERÇA (29)
18:30h - Ensaio do Grupo Musicanto
19:00h - EBD Classe Alternativa - Lição 11
Escola de Pais
19:30h - Ensaio do Ministério Vida Ativa

QUARTA (30)
10:00h - Atendimento Social
19:30h - Culto de oração e estudo da bíblia.
Venha com toda sua família.

QUINTA (31)
22:30 - CULTO DE VIGILIA PARA RECEBER O
ANO NOVO. Um belo momento para a família
estar junta na igreja. Venha e participe!
Música, oração, celebração da Ceia do Senhor
e uma mensagem ocasional.

SEXTA (1º/Jan/2010)
CONFRATERNIZAÇÃO UNIVERSAL
Momentos especiais em famílias.

SÁBADO (02)
ENCONTROS EM FAMÍLIA

GRATIDÃO

“Revesti-vos, pois, como eleitos de Deus, santos e amados, de coração compassivo, de benignidade, humildade, mansidão, longanimidade, suportando-vos e perdoando-vos uns aos outros, se alguém tiver queixa contra outro; assim como o Senhor vos perdoou, assim fazei vós também. E, sobre tudo isto, revesti-vos do amor, que é o vínculo da perfeição. E a paz de Cristo, para a qual também fostes chamados em um corpo, domine em vossos corações; e SEDE AGRADECIDOS. A palavra de Cristo habite em vós ricamente, em toda a sabedoria; ensinai-vos e admoestai-vos uns aos outros, com salmos, hinos e cânticos espirituais, louvando a Deus com GRATIDÃO em vossos corações. E tudo o quanto fizerdes por palavras ou por obras, fazei-o em nome do Senhor Jesus, dando por ele graças a Deus Pai” (Col. 3:12-17).
O texto nos convida a refletir em nossa nova condição a partir do momento que entregamos nossa vida a Jesus Cristo, aceitando-O como único e suficiente Salvador: ELEITOS DE DEUS, SANTOS E AMADOS. Que bênção! Que privilégio! Entretanto precisamos nos conscientizar que quanto maior o privilégio, maior a responsabilidade. Uma nova qualidade de vida é exigida nos relacionamentos daqueles que agora são qualificados como santos e amados. O apóstolo Paulo diz que devemos nos revestir do caráter de Cristo e aponta algumas características que hão de distinguir os eleitos de Deus: compaixão ou misericórdia, bondade, humildade, mansidão, paciência, perdão mútuo e no meio de todas estas admoestações vem o imperativo: SEDE AGRADECIDOS.
Ser grato é reconhecer que a vida é um dom especial do Criador e que todas as coisas são fruto deste nosso reconhecimento. Então percebemos que nosso cônjuge é alguém especial, que nossos filhos são especiais, nosso lar é um lugar especial, nosso trabalho é especial, nossa igreja é especial, nossos amigos são presentes especiais de Deus para nós.
Tudo se torna especial quando propomos em nossa vida olhar com olhos e corações especiais.
Por isso, devemos dar expressão a gratidão enquanto temos oportunidade para fazê-lo. Neste domingo 27 de dezembro de 2009 como sempre acontece no último domingo de cada ano, separamos um momento no culto matutino, para testemunhar nossa gratidão àqueles que em algum momento do ano que está findando foram instrumentos de Deus para abençoar e alegrar a nossa vida. Você terá a oportunidade de dizer em público, diante da igreja, que alguém é importante para você e certamente irá alegrar o coração de quem talvez nem esteja esperando por esta manifestação de gratidão e reconhecimento.
Isto edifica a igreja, alegra o coração de Deus e precisa fazer parte de uma comunidade declarada eleita de Deus, filhos santos e amados. Nesta manhã de domingo, portanto, você terá oportunidade de glorificar o nome do Senhor Jesus Cristo com palavras e atitudes que irão encher de alegria o coração de alguém.
Que Deus nos abençoe.
Amém.
Pastor Geovani Colares Silva

18 de dez de 2009

UMA VOZ QUE NÃO PODE CALAR...

Nossa! Pensar que já se passaram 24 anos... Quantas lembranças, quantos feitos realizados, quantas lutas, quantas vitórias nesta longa caminhada... Uma verdadeira maratona!
E já podemos pensar em nos preparar para a conquista do troféu de prata! Afinal, o que temos visto ao longo destes anos, é que esta caminhada tem sido conduzida de maneira a não deixar dúvidas de que o Senhor Jesus tem estado lado a lado com aquele que Ele mesmo convocou para a corrida. E é isso que tem nos alegrado a ponto de poder celebrar até pelas lutas, porque cada uma delas foi vivida com fé, determinação e coragem! Cada uma delas nos fez crescer através do exemplo que nos tem sido deixado como um legado precioso de conduta ética, moral e cristã, vivida por este que hoje consideramos mais que vencedor!
É algo que vai além das mensagens proferidas pelo nosso pastor, é expressão de vida. Uma vida que tem, de fato, tornado manifesto o princípio bíblico que tem sido como um lema em sua conduta: “Em nada considero a vida preciosa para mim mesmo, contanto que complete a minha carreira e o ministério que recebi do Senhor Jesus para testemunhar o evangelho da graça de Deus.” (Atos 20.24). Temos visto esta realidade em sua vida pessoal, familiar, ministerial, enfim, isso tem feito toda diferença!
Queremos nos apropriar deste tempo de celebração para expressar nosso carinho, nossa gratidão e, também, o desejo de que Deus continue a cada dia confirmando em seu coração a sua vocação, lhe renovando em graça, força e sabedoria. Sabemos que os tempos são difíceis, a Palavra de Deus já nos alerta quando diz que “ (...) nos últimos dias haverá tempos difíceis; pois os homens amarão a si mesmos, serão gananciosos, arrogantes, presunçosos, blasfemos, desobedientes aos pais, ingratos, ímpios, sem afeição natural, incapazes de perdoar, caluniadores, descontrolados, cruéis, inimigos do bem, traidores, inconseqüentes, orgulhosos, mais amigos dos prazeres do que amigos de Deus.”(II Tm.3.1-4). Contudo, é para um tempo como este que Deus o chamou. E não podemos negar que é um tempo em que se tenta de todas as formas fazer calar a voz profética.
Mas a voz que não quer calar é que diz: “ Prega a palavra, insiste a tempo e fora de tempo, aconselha, repreende e exorta com toda paciência e ensino.(...) sê equilibrado em tudo, sofre as aflições, faze a obra de um evangelista e cumpre teu ministério”.(II Tm.4.2,5)
Que seja esse um momento de renovo em seu coração, que o nosso Deus continue trazendo à sua memória tudo o que lhe possa trazer esperança para um contínuo caminhar pleno de realizações no Senhor.
A Deus toda honra, glória e louvor por tudo que Ele tem realizado em e através de sua vida junto a nossa igreja, e já podemos agradecer por tudo que Ele ainda fará!
Com gratidão e carinho,
IBCBR/2009

Nossa Igreja em Ação - 20/12/2009 a 26/12/2009

DOMINGO (20)
7:00h - Culto de oração dirigido pelo grupo de
Intercessores Voluntários.
8:00h - EBD 1º turno
9:00h - Culto Matutino.
Momento especial de gratidão pelo
24º aniversário de pastoreado do
Pr. Geovani Colares.
10:45h - EBD 2º Turno
16:00h - Confraternização do Grupo da Feliz Idade
17:30h - Classe de Batismos
19:00h - Culto Vespertino - Musical Natalino
apresentado pelo Ministério Infantil.
Convidem visitantes.
SEGUNDA (21)
10:00h - Atendimento Social
18:30h - Ensaio do Grupo Magnificat
19:30h - Ensaio do Côro Cantares
Culto de Gratidão no Lar da irmã Laurinda.
Rua Firmino Leite, 106 - Centro - B. Roxo
Tel.: 2662-1719
TERÇA (22)
18:30h - Ensaio do Grupo Musicanto
Ensaio do Côro Infantil Semear
19:00h - Reunião dos Embaixadores do Rei
Reunião das Mensageiras do Rei
EBD Classe Alternativa - Lição 11
Escola de Pais
19:30h - Oração pelas famílias
Ensaio do Ministério Vida Ativa
QUARTA (23)
10:00h - Atendimento Social
19:30h - Culto de Gratidão pelo 20º aniversário de
casamento dos irmãos Gilmar e Cláudia.
QUINTA (24)
NATAL EM FAMÍLIA
SEXTA (25)
20:00h - Celebração na Igreja.
Musical: Emanuel - O Milagre do
Nascimento. Venha com toda a sua família.
SÁBADO (26)
ENCONTROS EM FAMÍLIA

11 de dez de 2009

O nosso socorro vem do Senhor

"Elevo os meus olhos para os montes, de onde me vem o socorro? O meu socorro vem do Senhor, que fez os céus e a terra" (Sl. 121:1-2)
Quais são as suas lutas diárias? Elas cansam e desanimam você? Já não houve momentos na vida em que você teve vontade de "chutar o balde", "jogar tudo para o alto", largar tudo, abandonar tudo, parar de lutar e sair correndo deixando tudo para traz?
É claro que sim! Todos nós temos momentos em que cansamos e desanimamos, pois as lutas do dia-a-dia não são fáceis: preocupação com a família e com o trabalho, dificuldades de relacionamentos na família e fora dela, problemas financeiros, doenças, preocupações com as responsabilidades de cada dia, etc. Chega um momento em que a pressão sobre nós é muito grande. Dependendo de como agirmos ou reagirmos em tudo isso, podemos as vezes complicar ainda mais nossa vida e situação. Não deveríamos tomar decisões quando estamos sob pressão, pois normalmente sob pressão, nos precipitamos nas decisões e mais tarde nos arrependemos. Então, o que fazer? O Salmista nos ensina a partir de sua própria experiência: elevar os olhos para o Senhor! Focar a nossa vida Nele! Buscar o que Ele tem para nossa vida: DIREÇÃO, ORIENTAÇÃO, PAZ, SEGURANÇA. Clame a Deus e com certeza, o socorro Dele virá, pois quem fez os céus e a terra é poderoso para fazer qualquer coisa muito além do que podemos imaginar. Por isso, seja qual for o seu problema, não desanime, não se desgaste com suas dificuldades, coloque-as nas mãos do Senhor e deixe-o resolvê-las. Você apenas precisa confiar totalmente Nele e assim renovar as suas forças.
Se você ler a história de Neemias verá que os habitantes de Jerusalém estavam em situação terrível e desfavorável e ainda havia uma tremenda oposição a tudo o que faziam, porém a palavra de ordem foi: "Levantemo-nos e edifiquemos. E fortaleceram as mãos para a boa obra"... "O Deus do céu é quem nos fará prosperar; e nós, seus servos, nos levantaremos e edificaremos" (Neemias 2:18b e 20a).
Eles não desanimaram; pelo contrário, levantaram com mais vigor e venceram. Fizeram uma obra fantástica para aquela época, terminando em tempo recorde a reconstrução do muro. Para vencer, é preciso focar a vida em Deus e não nas circunstâncias do dia-a-dia e nem em si mesmo.
Talvez você esteja chegando ao final de mais um ano com muitos problemas que têm transtornado a sua vida e entristecido o seu coração. Não desanime. Faça deste momento um tempo de grandes experiências com Deus. Creia que o Seu poder não será anulado por quaisquer circunstâncias, sejam as mais difíceis que forem. Tome posse da palavra abençoada do Salmo 27:13-14 "Creio que hei de ver a bondade do Senhor na terra dos viventes. Espera tu pelo Senhor; anima-te e fortalece o teu coração; espera pois pelo Senhor!
Amém!
Pastor Geovani Colares Silva

Nossa Igreja em Ação - 13/12/2009 a 19/12/2009

DOMINGO (13)
7:00h - Culto de oração dirigido pelo grupo de
Intercessores Voluntários.
8:00h - EBD 1º turno
9:00h - Culto Matutino.
Programação alusiva ao Dia da Bíblia.
Direção EBD.
10:45h - EBD 2º Turno
17:30h - Classe de Batismos
19:00h - Culto Vespertino - Cantata Natalina com o
Grupo Agnus: "O Emanuel, Deus conosco".

SEGUNDA (14)
10:00h - Atendimento Social
18:30h - Ensaio do Grupo Magnificat
19:30h - Ensaio do Côro Cantares

TERÇA (15)
18:30h - Ensaio do Grupo Musicanto
Ensaio do Côro Infantil Semear
19:00h - Reunião dos Embaixadores do Rei
Reunião das Mensageiras do Rei
EBD Classe Alternativa - Lição 10
Escola de Pais
19:30h - Oração pelas famílias
Ensaio do Ministério Vida Ativa

QUARTA (16)
10:00h - Atendimento Social
19:30h - Assembléia Mensal Ordinária

QUINTA (17)
8:00h - PROMHI - Projeto Mulheres e Homens
Intercessores.
10:00h - Atendimento Médico - Dr. Alexandre
14:00h às 18:00h - Atendimento pastoral.

SEXTA (18)
14:00h às 18:00h - Visitas Pastorais
20:00h - Formatura dos alunos do STBBR

SÁBADO (19)
19:30h - Casamento: Marcio e Fernanda

5 de dez de 2009

Nossa Igreja em Ação - 06/12/2009 a 12/12/2009

DOMINGO (06)
7:00h - Culto de oração dirigido pelo
grupo de Intercessores
Voluntários.
8:00h - EBD 1º turno
9:00h - Culto Matutino
Adoração, louvor e mensagem.
10:45h - EBD 2º Turno
19:00h - Culto Vespertino - Programação de abertura
do mês de natal. Música, mensagem e
celebração de batismos.

SEGUNDA (07)
10:00h - Atendimento Social
18:30h - Ensaio do Grupo Magnificat
19:30h - Ensaio do Côro Cantares

TERÇA (08)
18:30h - Ensaio do Grupo Musicanto
Ensaio do Côro Infantil Semear
19:00h - Reunião dos Embaixadores do Rei
Reunião das Mensageiras do Rei
EBD Classe Alternativa - Lição 9
Escola de Pais
19:30h - Oração pelas famílias
Ensaio do Ministério Vida Ativa
Reunião do Cons. Administrativo e Ed. Rel.

QUARTA (09)
10:00h - Atendimento Social.
18:00h - Ensaio do Grupo Ebenezer
19:30h - Encerramento das Atividades do PePe.
Culto Evangelístico.

QUINTA (10)
8:00h - PROMHI - Projeto Mulheres e Homens
Intercessores.
10:00h - Atendimento Médico - Dr. Alexandre
14:00h às 18:00h - Atendimento pastoral.

SEXTA (11)
14:00h às 18:00h - Visitas Pastorais
19:30h - Casamento: João Marcos e Priscila

SÁBADO (05)
9:00 às 16:00h - Confraternização do Cons. Diaconal
20:00h - Culto Jovem

Pedras no caminho

"Do meio da angustia invoquei o Senhor; o Senhor me ouviu e me pôs em um lugar seguro" (Sl. 118:5)
É comum constantemente culparmos os problemas que passamos para justificar nosso mau humor, nosso desânimo ou preguiça, nossa tristeza ou indiferença. É verdade que as pedras no caminho podem atrapalhar nossa caminhada, mas também é verdade que na maioria das vezes, essas mesmas pedras podem nos fazer mais fortes e mais maduros. Uma poesia intitulada "A Pedra" diz o seguinte:
"O distraído nela tropeçou, o bruto a usou como projétil; o empreendedor, usando-a, construiu; o camponês cansado da lida, dela fez assento; para meninos, foi brinquedo; Drumond a poetizou; já Davi matou Golias; e Michelângelo extraiu-lhe a mais bela escultura. E em todos estes casos, a diferença não estava na pedra, mas no homem."
Deduzimos, então, que não existe "pedra" em nosso caminho que não possamos aproveitar para o nosso próprio crescimento. O ser humano é extremamente sensível, por isso facilmente faz de pequenas pedras grandes muralhas. Precisamos entender que, sejam quais forem as pedras, grandes ou pequenas, que encontraremos em nossa caminhada, podemos viver felizes e alcançar grandes conquistas. Só depende de nós!
"Alegrem-se no Senhor" é a exortação do apóstolo Paulo em Filipenses 4:4. E este mesmo apóstolo em II Coríntios 11 usa quase todo o capítulo para descrever as dificuldades que já havia enfrentado e alista algumas delas, tais como: naufrágio, prisões, espancamentos, fome, perigo de morte, etc. Paulo entende que os problemas tinham como objetivo distraí-lo de seu alvo maior, que não era outro senão viver com simplicidade, pureza e fidelidade servindo a Cristo no ministério para o qual fora chamado.
Não importa o tamanho do problema que enfrentamos em nossas vidas, eles por maiores que sejam nunca serão maiores do que o poder do Deus que cremos e podemos sempre viver com gratidão e força se com determinação constantemente buscarmos a Sua companhia em nossa caminhada. Ele nos conforta em toda a nossa tribulação. O caminho de todos é bem parecido, isto é, todos temos problemas, o que difere é como cada um de nós nos comportamos quando os problemas assolam.
Estamos chegando ao final de mais um ano e não há dúvidas de que todos nós tivemos muitos momentos difíceis, mas o Senhor em todos eles, nos amparou e com braço forte nos colocou sempre em lugar seguro. Por isso, meu amado irmão, conte sempre com Deus para fazer de seus problemas uma história de superação.

Que Deus nos abençoe!

Pastor Geovani Colares Silva

27 de nov de 2009

Grandes coisas fez o Senhor por nós

Quando abro a bíblia e me deparo com o texto do Salmo 126 vejo um povo alegre e feliz por uma razão muito simples: A bênção de Deus estava sobre eles e a evidência era tal que as nações vizinhas se maravilhavam e testemunhavam de que algo diferente havia naquele povo. Provavelmente, o salmo fala do retorno dos exilados do cativeiro babilônico quando a lamentação e o gemido deram lugar ao riso e ao cântico de jubilo, isto porque talvez no coração daquele povo, o cativeiro era uma situação irreversível, pois as suas terras foram ocupadas por outras gentes para impedir a reocupação. Mas agora, ocorreu o milagre e o salmista deixa bem claro: Foi obra de Deus - "Quando o Senhor trouxe do cativeiro..." (v. 1).
Antes, eles não conseguiam cantar e o Salmo 137 diz que penduraram suas harpas nos salgueiros porque estavam tristes em terra estranha , mas agora, o coração deles transbordava de gratidão e louvor. Todos os seus gestos eram jubilosos. A transformação fora verdadeiramente divina.
Este fato nos ensina o quanto nos é necessário refletir e concluir que nossa vida está nas mãos de Deus e que é nos seus desígnios que nos movemos nesse mundo e nossa história só tem sentido quando confiamos a ele nossos projetos e nossos sonhos.
É verdade que isso ocorreu há muitos anos atrás, é também verdade que o contexto era diferente mas o nosso Deus é o mesmo e podemos fazer um paralelo com a realidade que vivemos hoje. O Senhor nos restaurou, nos tirou das horríveis trevas do pecado, nos libertou dos vícios e dos costumes mundanos e mudou a nossa sorte. Arrancou a tristeza do nosso coração e colocou um novo cântico em nossa boca. Aleluia! A restauração foi completa.
No passado Deus usou o imperador persa Ciro para estabelecer o Seu decreto misericordioso e benevolente, hoje, Deus usa a igreja para dar continuidade aos seus propósitos. A igreja tem sido o instrumento de Deus para restaurar vidas, trazendo esperança e alegria àqueles que estão cativos no reino das trevas e podemos hoje dizer que "grandes coisas tem feito o Senhor por nós" através da igreja "e por isso estamos alegres". Por isso tudo, meu amado irmão, pare de se lamentar, murmurar ou queixar-se da vida. Alegre-se no Senhor. Pare de procurar os erros, os defeitos ou os problemas que existem na igreja pois você vai encontrá-los aos montões. Com otimismo e alegria, trabalhe para melhorar nossos relacionamentos e seja mais um a acreditar na corrida em busca de uma igreja saudável. Viva o sonho da restauração que Deus proporcionou a você quando o arrancou do cativeiro do pecado. Substitua o gemido e a lamentação pelo riso e pelo cântico de alegria.
Eu amo a igreja! E quero concluir com uma pergunta que tem incomodado a minha vida: Se todos fossem iguais a você como seria a igreja? Estou me referindo a nossa querida IBCBR nos seus 40 anos. Qual e como tem sido a minha participação? Tenho contribuído para ser uma igreja alegre, feliz, operosa, atuante, preocupada com os perdidos - ou uma igreja fechada dentro de si mesma, indiferente, resmungona, egoísta...
Aqueles que tem uma visão otimista podem fazer um grande coral e repetir com o salmista:
SIM, GRANDES COISAS FEZ O SENHOR POR NÓS E POR ISSO ESTAMOS ALEGRES.
Deus nos abençoe.
Geovani Colares Silva, seu pastor e amigo

19 de nov de 2009

Igreja - Comunidade Terapêutica

"Portanto, levantai as mãos cansadas e os joelhos vacilantes; e fazei veredas direitas para os vossos pés, para que o que é manco não se desvie, antes seja curado. Segui a paz com todos e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor, tendo cuidado de que ninguém se prive da graça de Deus e de que nenhuma raiz de amargura, brotando, vos perturbe, e por ela muitos se contaminem" (Hb. 12:12-15).

De acordo com os ensinos do Novo Testamento, a comunhão é um presente de Deus à Sua igreja. Quando decidimos vivenciar no dia-a-dia este fantástico presente, entendemos a responsabilidade mútua que precisa caracterizar a vida em comunidade e experimentaremos em sua plenitude, o alívio das cargas impostas pela vida. Numa comunhão verdadeira, todos se conhecem, sabem tudo um sobre o outro, comunica-se sobre o bem-estar e o sofrimento. Quando um sofre, todos sofrem com ele porque o conhecem e amam. Quando um se alegra, todos se alegram com ele porque são informados de sua alegria ou a observam nele. Numa verdadeira comunhão, existe um intenso intercâmbio de se dar e receber que necessariamente precisa se completar com atitudes práticas, pois, quando um sempre e somente dá, em breve estará exaurido, seja completamente arrasado no chão, seja bem no alto como "ditador" solitário. Quando alguém apenas recebe, ele igualmente estará esgotado, seja bem embaixo, saciado e satisfeito consigo mesmo, seja bem no topo, arrogante e insatisfeito. Em ambos os casos a comunhão é destruída.
O texto em referência nos convida a pensar na igreja como um lugar de vida, onde deve haver em primeiro lugar um relacionamento vivo de fé em Cristo estendendo-se num estreito relacionamento e comunhão restauradora entre nós, o seu povo.
Não podemos ficar de braços cruzados, já que o cuidado mútuo que deve haver entre nós, exige trabalho, paciência, tolerância e humildade para entender que também somos carentes e necessitados.
Na inspiração desta porção da palavra de Deus, é de suma importância refletirmos como tem sido em nossa igreja a prática da comunhão verdadeira. O texto fala de ajuda, encorajamento, fortalecimento mútuo, cura, promoção da paz e harmonia, união, não provocar amargura ou ressentimento no coração de alguém, buscar a santificação, deixar de lado os queixumes, ajudar o outro a levantar quando cair nas situações adversas, não contaminar a comunidade com nossos sentimentos egoístas ou egocentristas. Temos tentado colocar isto na prática do nosso dia a dia? Certamente uma das provas essenciais da nossa nova vida em Cristo está no modo pelo qual nós vivemos uns com os outros.
Que neste tempo que completamos nosso 40º aniversário, confrontemos sinceramente nosso estilo de vida e se necessário, haja mudanças radicais em nossos procedimentos para que não sejamos pedras de tropeço ou embaraço na vida daqueles que Deus coloca diante de nós para serem incluídos no Corpo de Cristo.
Que Deus nos ajude!
Geovani Colares Silva, seu pastor e amigo

13 de nov de 2009

Sonhe e nunca desista

Era um jovem que morava no centro-oeste dos Estados Unidos. Por ser filho de um domador de cavalos, levava uma vida muito simples e modesta, mas desejava estudar. Perseguia o ideal de ganhar cultura. Dormia nas estrebarias, trabalhava com os animais e, nos intervalos, à noite, buscava a escola, para iluminar sua inteligência. Em uma das aulas, certa vez, o professor pediu à classe que cada aluno ralatasse seu sonho, o que desejaria para sua vida. O jovem, tomado de entusiasmo, escreveu sete páginas. Desejava, no futuro, possuir uma grande fazenda e morar numa enorme casa, com 400 metros quadrados. Desejava ter uma família muito bem constituída e bonita.
Tão entusiasmado estava que não somente descreveu, mas também desenhou como ele sonhava a casa, o pomar, tudo, nos mínimos detalhes. Entregou o trabalho e ficou esperando, ansioso, palavras de elogio do professor. Contudo, três dias após, o trabalho lhe foi devolvido, com uma nota sofrível. Depois da aula, o professor o procurou e disse:
- O seu sonho é um absurdo. Imagine, você filho de um domador de cavalos! Será um simples domador de cavalos! Escreva sobre um sonho que possa se tornar realidade, e eu lhe darei uma nota melhor.
O jovem foi para casa muito triste e contou ao pai o que havia acontecido. Depois de ouvi-lo com calma, o pai lhe afirmou:
- O sonho é seu, meu filho, faça o que achar melhor... Esta decisão é sua: persista nesse sonho ou procure outro.
O jovem meditou e, no dia seguinte, entregou a mesma página ao professor. Disse-lhe que ficaria com a nota ruim, mas não abandonaria o seu sonho.
Esta história foi contada recentemente para várias crianças pobres, pelo dono de uma grande fazenda, que vive em um casa de 400 metros quadrados e possui uma família muito bem constituída e bonita. Após narrá-lo, o dono da fazenda revelou ser aquele jovem, que recebera a nota ruim, mas não desistiu do seu sonho.
O mais incrível, porém, é que, depois de trinta anos, o mesmo professor visitou, com seus alunos, aquela fazenda. e, tendo identificado no proprietário o antigo aluno, a ele se apresentou e confessou:
- Fico feliz que o seu sonho tenha escapado da minha inveja. Naquela época, eu era um atormentado. Tinha inveja de pessoas sonhadoras. Destruí muitas vidas. Roubei o sonho de muitos jovens idealistas. Graças a Deus, não consegui destruir o seu, pois o sonho faz muito bem a tantas vidas! Como é bonito sonhar...
(Transcrito de "Rompendo as Muralhas na Família")

10 de nov de 2009



6 de nov de 2009

IGREJA - O lugar do amor na comunhão

É inegável que o amor ocupa um lugar de destaque na vida cristã. A primeira indicação explicita da primazia do amor é encontrada no livro de Levítico 19:18 "Não te vingarás nem guardarás ira contra os filhos do teu povo; mas amarás o teu próximo como a ti mesmo. Eu sou o Senhor". Jesus resumiu toda a moralidade do Antigo Testamento nos dois mandamentos de amar a Deus e ao próximo. E, seguindo o mesmo raciocínio, Paulo afirmou: "Pois toda a lei se cumpre numa só palavra, a saber: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo" (Gl. 5:14) e "... pois quem ama ao próximo tem cumprido a lei" (Rm. 13:8b).
Não é difícil perceber que o amor é a virtude cristã por excelência. O amor como atitude é expresso concretamente na busca do bem dos outros, enquanto indivíduos ou grupos, em suas mais variadas expressões e necessidades. Nesse particular, a ética do amor se opõe ao legalismo formalista (que prioriza as tradições humanas em vez da pessoa humana), ao mero sentimentalismo (que se restringe apenas à subjetividade sem ação) e ao egoísmo (que vê o ser humano como um meio e não como um fim).
A mensagem destoa da prática da sociedade comum por ser efeito do impacto da graça de Deus sobre os redimidos. Como comunidade de fé, a igreja propõe algo mais do que apenas um elevado padrão individual de conduta. O cristão, alicerçado e alimentado pela graça, vê no seu dever para com os homens uma parte integrante do seu dever para com Deus, ou seja, ele tem como motivação, primeiramente, o amor a Deus que transforma o intelecto, a emoção e a vontade humana, e se expressa no amor ao próximo.
Dentre os fatores que fundamentam o requerimento de um amor universal, podem ser destacados os seguintes:
1) A origem comum decorrente da criação;
2) A natureza da graça comum;
3) A universalidade do amor redentor de Deus;
4) O apelo divino quanto ao julgamento final e à recompensa escatológica. Portanto, como um dos distintivos da ética cristã, o princípio universal do amor se dirige ao mundo como um todo e não apenas à comunidade dos iguais na fé.
Diferentemente da sociedade contemporânea, a igreja é chamada a olhar para além da diferença, para a raça humana inteira sem nenhuma exceção. Por isso, na ética do amor, o cristão vai de encontro à prática cotidiana da sociedade e se move, misericordiosamente, na direção de todos os homens porque, diante da cruz, não existem cristãos sem pecados, nem pecadores sem passado.

(Trancrito de Atualidades 2008)
DOMINGO (08)
7:00h - Culto de oração dirigido pelo
grupo de Intercessores
Voluntários.
8:00h - EBD 1º turno
9:00h - Culto Matutino - Lançamento do Projeto
Natal Solidário e celebração da
Ceia do Senhor.
10:30h - EBD 2º Turno
17:30h - Classe de Batismos
19:00h - Culto Vespertino - Programação alusiva ao
Dia do Diácono Batista.
Aniversário do Conselho Diaconal.

SEGUNDA (09)
10:00h - Atendimento Social
18:30h - Ensaio do Grupo Magnificat
19:30h - Ensaio do Côro Cantares

TERÇA (10)
18:30h - Ensaio do Grupo Musicanto
Ensaio do Côro Infantil Semear
19:00h - Reunião dos Embaixadores do Rei
Reunião das Mensageiras do Rei
EBD Classe Alternativa
Escola de Pais
19:30h - Oração pelas famílias

QUARTA (11)
10:00h - Atendimento Social.
14:30h - Ministério Comunitário Cristão.
18:00h - Ensaio do Grupo Ebenezer
19:30h - Quarta-simultânea de Educação
"O desafio de ser igreja significativa na
comunidade". Pr. Dercinei Figueiredo.

QUINTA (12)
8:00h - PROMHI - Projeto Mulheres e Homens
Intercessores. Venha e participe!
10:00h - Atendimento Médico - Dr. Alexandre
14:00h às 18:00h - Atendimento pastoral.

SEXTA (13)
17:00h - Inicio do Retiro de Casais

SÁBADO (14)
Retiro de Casais

4 de nov de 2009





IBCBR – Uma família a serviço de Deus!





Culto de Consagração do Casal Marlon e Anastácia



































Alguns Momentos do Concílio


















29 de out de 2009

Até aqui nos ajudou o Senhor

Este é um momento significativo e muito especial para todos nós. Deus nos dá o privilégio e a alegria de celebrarmos nosso quadragésimo aniversário de organização voltando o olhar para nossa trajetória e podendo dizer com júbilo: “Até aqui nos ajudou o Senhor”. É inegável que no caminho percorrido houve momentos de tristezas, dificuldades e obstáculos como desafios para nossa caminhada, mas prevaleceu a mão forte do Senhor da Igreja, dando sempre a melhor solução para alcançarmos as vitórias que hoje podemos contar. Louvado seja o bendito nome do Senhor!
Mas é tempo de avançar. Olhar com gratidão o passado, o que Deus tem realizado através da igreja, mas ter uma percepção clara de que o futuro nos aguarda com muitos caminhos a percorrer. Cada dia que passa, os desafios se tornam maiores e mais difíceis de serem enfrentados e precisamos com temor e tremor nos colocar nas mãos de Deus, humildemente, para que continuemos buscando a excelência na proposta de uma igreja saudável, “Igreja do Deus vivo, coluna e esteio da verdade”.
Para tanto, neste tempo de celebração, refletindo em tudo quanto o Senhor nos tem concedido como indivíduos e como igreja, é de suma importância renovarmos o nosso compromisso com Deus e com a família, fazendo deste marco histórico um momento de tomada de atitudes que haverão de fazer a diferença que o mundo espera. O apóstolo Paulo escrevendo a igreja de Roma (Rm. 8:19), diz que “O mundo aguarda com intensa expectativa a manifestação dos filhos de Deus”, e alguém já disse que o mundo não irá ler Mateus, Marcos, Lucas ou João, mas lerá você e a mim. Somos, assim, o quinto evangelho e a igreja é a comunidade dos santos, que no seu compromisso de vida, exala o bom perfume de Cristo.
É tempo de refletirmos que tipo de crentes temos sido, que tipo de igreja temos ajudado a construir, qual e como tem sido a nossa participação no propósito de Deus em salvar pessoas do inferno.
Com estas avaliações no coração, coloquemo-nos diante do Senhor, com o sentimento de muita gratidão e também com o grande desejo de que Ele continue nos usando para abençoar esta comunidade e a nossa querida cidade de Belford Roxo. Para isto, precisamos reconhecer em primeiro lugar a necessidade de nos comprometermos por inteiro com o Senhor, fazendo Dele o centro gravitacional de nossa vida; existindo em função Dele e para Sua Glória; vivendo em total dependência Dele. Em segundo lugar, vivenciar o verdadeiro compromisso de uns para com os outros, isto é, reconhecer a nossa interdependência. A igreja é um organismo vivo e como tal não pode existir nenhuma parte isolada em seu relacionamento com as demais. Precisamos uns dos outros para a grande tarefa que Deus nos confiou – mostrar ao ser humano que há esperança – e assim unidos, haveremos de cumprir este sublime encargo em nome do Senhor Jesus.
Parabéns aos membros fundadores que enfrentaram perseguições e acreditaram na construção de uma obra que continuará até a volta de Cristo; parabéns às lideranças que deixaram marcas de profícuo trabalho ao longo destas quatro décadas; parabéns a todos quantos, direta ou indiretamente, têm contribuído para chegarmos até aqui. Que o Senhor nos abençoe! E a Ele, toda honra, glória e louvor! Amém.

23 de out de 2009

SEMEANDO COM SABEDORIA

São grandes os desafios da obra missionária em nosso País. Na conquista da Pátria para Cristo três grandes alvos nos impulsionam à ação: a Plantação de igrejas, o Evangelismo e Discipulado e a Ação Social.
São três áreas, com um mesmo objetivo: alcançar vidas para Jesus, levando o amor e a Palavra de Deus aos corações.
Essa chama precisa estar acesa em nossos corações. Muitas vidas ao nosso redor estão sedentas de amor e da Palavra de Deus.
"O semeador saiu a semear..." (Mt 13.2). Precisamos semear, distribuir frutos e não apenas sementes. Produzindo o fruto do Espírito, distribuímos a mensagem de Deus em tudo o que fazemos.
Podemos alcançar os incrédulos, os miseráveis, os marginalizados, os famintos ou os excluídos com a pregação, oferecendo-lhes uma Bíblia, mas o melhor caminho é demonstrar amor, o que pode ser traduzido em atenção, carinho, afeto, alimento, abrigo, roupa, emprego, educação, tratamento de saúde... Afinal, o amor é a essência do próprio Deus, e sempre haverá ao nosso lado alguém necessitado.
Jesus em sua passagem pela Terra atuou onde havia necessidades, atuou de acordo com as necessidades, demonstrou genuína compaixão.
Jesus viu a multidão faminta, e disse aos discípulos: "dai-lhes vós de comer" (Mc 6.37); multiplicou os pães e os peixes e alimentou a todos. Os discípulos distribuíram o que Jesus lhes entregou. Quanto nos tem sido entregue? Temos distribuído? Também Ele não se tornou provedor daquele povo. Como indivíduos e como igreja precisamos socorrer os que estão em emergência, e depois ensinar-lhes um meio de sustento próprio. A obra social é uma frente de trabalho que a igreja não pode negligenciar.
Que Deus nos ajude para que, a cada dia, tenhamos o fruto certo para entregar a quem de nós se aproximar. Que o Senhor faça germinar a divina semente em cada coração.
(Transcrito da revista da campanha - JMN)

13 de out de 2009

"USE TODA A SUA FORÇA"

Um menino tentava em vão levantar uma sacola pesada demais para ele. Seu pai, ali ao seu lado, esticava o braço e abrindo a mão, dizia-lhe: "Use toda a sua força que você consegue, meu filho." Ele tentou mais uma ou duas vezes, sem sucesso. E o pai falava as mesmas palavras e repetia o mesmo gesto.
"Eu não consigo, pai", desabafou o menino. "Olhe para mim, filho!", disse o homem e, mexendo os dedos e olhando para sua mão, repetiu vagarosamente, "use... toda... a... sua... força!" Só então o menino entendeu que o pai estava esticando a mão para pegar numa das alças da sacola. Ele não estava só. Seu pai estava ali ao seu lado para lhe dar uma força.
Você já passou por momentos em que acha que está só? Que não vai conseguir, que suas forças estão se acabando... Vem a vontade de desistir e deixar o barco ser levado pelas ondas.
Talvez seja na sua família, no seu casamento, no trato com os filhos, no namoro, no trabalho, nos estudos, nas dividas, na enfermidade, na crise de relacionamento... parece que o peso é tão grande que nós dizemos para Deus "não aguento, Pai, não consigo...". E então é neste instante que o Pai diz-nos: "Olhe para mim, filho! Use toda a sua força!" E nos estende a mão, carrega o peso conosco! Não estamos sozinhos. O Salmo 27.1 diz: "O Senhor é a minha luz e a minha salvação; a quem temerei? O Senhor é a força da minha vida; de quem me recearei?"
Eu e você, irmão(ã), não somos fortes o bastante para vencermos as intempéries da vida. Mas se usarmos toda nossa força, e aí está incluída a força do Senhor ao nosso lado, então poderemos todas as coisas! Use toda a sua força!
Temos diante de nós um desafio enorme: conquistar a Pátria para Cristo. Precisamos evangelizar e discipular cada pessoa em solo brasileiro, a começar de agora, aqui onde nós estamos.
Nosso inimigo está feroz, armando ciladas e pondo obstáculos, tentando nos desanimar, querendo nos convencer de que o peso é grande demais, que não podemos suportar. Então, devemos ouvir a voz do Senhor que diz: "Use toda a sua força! Olhe para mim, meu filho! Eu estou com você!".
Se olharmos para nós mesmos, diremos a Deus que não conseguiremos, não temos forças, não temos recursos, não temos condições... Mas Deus, que tem abençoado tão tremendamente os seus filhos, nos fará ver que temos a força do Senhor dos Exércitos, o Todo-Poderoso, o Senhor Soberano dos céus e da terra! Ele nunca nos desamparará. Não faltarão os recursos. Não deixará de nos abençoar no cumprimento de nossa missão!
Não temos motivos para vaidade ou orgulho, mas temos para sermos gratos, pois Deus nos escolheu, neste tempo, para sermos uma geração missionária. Então, use toda a sua força!
(Transcrito da revista da campanha - JMN)

5 de out de 2009

TODA CRIANÇA PRECISA DE CUIDADO

Ao Iniciar outubro, logo nos vem à memória o dia 12, onde comemoramos o Dia das Crianças. Junto com ele também vem toda uma preocupação em torno da data festiva, dos presentes pedidos e, na maioria das vezes, recebidos. Porém, como cristãos “antenados” na Palavra de Deus, precisamos ampliar essa preocupação em torno das crianças.
O texto de Mateus 18.14b nos diz: ” o Pai de vocês, que está nos céus, não quer que nenhum destes pequeninos se perca.” Ao analisarmos esse versículo e todo o contexto que o envolve, podemos trazê-lo para os nossos dias com uma responsabilidade ainda maior o cuidado para que a criança não se perca em nenhum de seus aspectos, não somente o espiritual.
Então, quais são as necessidades de nossas crianças hoje? Poderia enumerar uma lista quase sem fim, mas gostaria de trazer à tona apenas algumas delas:
1. Respeito à sua faixa etária - Ela não pode ser forçada a alcançar posições que sua maturidade não permite e nem ser obrigada a fazer coisas para satisfazer aos adultos e suas ansiedades;
2. Segurança em todos os aspectos: físico, emocional, espiritual e social;
3. Disciplina administrada de forma amorosa;
4. Aceitação - Ela precisa ser aceita e valorizada como é, do seu “jeitinho”;
5. Amor - Amar e ser amada produz a sensação de pertencimento que produz a segurança necessária para enfrentar a vida. As pessoas amadas sabem que são mais importantes que as coisas. Nossas crianças sabem e sentem que são amadas?
6. Deus - A maior parte das orientações é comunicada com o exemplo. Nossas crianças vêem Deus em nós?
O objetivo maior do Ministério Semear (Ministério Infantil da IBCBR) é levar as crianças a terem experiências com Jesus. Nossa preocupação não é simplesmente apresentá-las a Jesus, mas oportunizar um relacionamento íntimo, real e pessoal das crianças com o Mestre. E isso se dará a partir do momento em que cuidamos de cada uma delas como um ser holístico, com aspectos espirituais, sociais, emocionais e físicos.
Nós como igreja, precisamos nos atentar às suas necessidades básicas para que elas possam ter condições de realmente experimentarem esse relacionamento de forma plena.

Anastacia Monteiro Raul Lima
Ministério de Educação Infantil

29 de set de 2009

Programação para Outubro

• 04/10 - Aniversário do Grupo Ágape

• 11/10 - Manhã - Celebração da Ceia
Noite - Programação Alusivo ao Dia da Criança

• 14/10 - Culto de Gratidão pelo Dia do Mestre

• 17/10 - Aniversário dos Embaixadores do Rei
Happy Day em Gerard Danon

• 18/10 - Dia Nacional do PEPE
Batismo de Novos Crentes

• 24/10 - Retiro da Família
NOSSA IGREJA EM AÇÃO SETEMBRO / OUTUBRO

DOMINGO (27)
7:00h - Culto de oração dirigido pelo grupo de Intercessores
Voluntários.
8:00h - EBD 1º turno
9:00h - Culto Matutino - Música e mensagem. Conferências com a
missionária Maria Helena Leão Santos. Participe!
Vibre com este momento!
10:30h - EBD 2º Turno
17:30h - Classe de Batismos
19:00h - Culto Vespertino - Adoração, louvor e pregação da Palavra,
encerramento da conferência com a miss. Maria Helena.

SEGUNDA (28)
18:30h - Ensaio do Grupo Magnificat
19:30h - Ensaio do Côro Cantares
TERÇA (29)
18:30h às 19:45h - Ensaio do Grupo Musicanto
19:00h - Reunião dos Embaixadores do Rei
Reunião das Mensageiras do Rei
EBD Classe Alternativa
19:30h - Oração pelas famílias

QUARTA (30)
14:30h - Ministério Comunitário Cristão.
19:30h - Quarta Nobre da Família. Programa especial com
participação do Grupo da Feliz Idade da PIB de Parque São
Vicente. Venha e traga sua família.

QUINTA (01/10)
8:00h - PROMHI - Projeto Mulheres e Homens Intercessores. Venha e participe!
14:00h às 18:00h - Atendimento pastoral.

SEXTA (02/10)
14:00h às 18:00h -Visitas pastorais.
19:30h - Posse do Pr. Alexandre Magno no pastorado da PIB de São
Mateus - São joão de Meriti.

SÁBADO (03/10)
12:00h às 21:00h - FEIRA MISSIONÁRIA
Convide um amigo. Traga vizinhos e parentes para
um dia pleno de atividades para nossa comunhão
e edificação.
Por Ti Darei Minha Vida

"Cristo será, tanto agora como sempre, engrandecido no meu corpo, seja pela vida, seja pela morte."
No mês de Missões Nacionais, somos impactados com um número desconcertante, incômodo e, por que não dizer, constrangedor: nosso país tem 160 milhões de pessoas que ainda não reconhecem o Senhor Jesus como Único e suficiente Salvador de suas vidas. Definitivamente nosso Brasil não é o do Senhor, como muitos insistem em afirmar! Por conta dessa falta do Senhorio de Cristo na vida do nosso povo, estamos convivendo com toda a sorte de impiedade, sobra transgressão, sobra egocentrismo, sobra inveja, sobra a cobiça.
Mas a Bíblia também vai nos dizer que esses últimos tempos seriam muito oportunos para se pregar a Palavra. Acontece que a Palavra de Deus não deve ser pregada de qualquer maneira. A palavra de Deus não deve ser lançada, semeada, sem que o pregador, o semeador, o evangelista esteja respaldado por uma vida santificada, piedosa, separada dependente do Deus da Palavra. Com certeza, não era esse o pensamento do apóstolo Paulo quando disse: "Cristo será, tanto agora como sempre, engrandecido no meu corpo, seja pela vida, seja pela morte". Claro que não. O pensamento dele era que sua vida dali em diante seria a vida de Cristo e a Sua obra.
Paulo disse certa vez: "Sede meus imitadores como eu sou de Cristo". Um grande pregador disse certa vez: "AO EVANGELIZAR, SE PRECISO, FALE". Esse pregador disse isso porque a pregação pressupõe vida parecida com a de Cristo. A pregação do Evangelho pressupõe vida de humildade, não de exaltação; vida simples, não de ostentação; vida altruísta, não egocêntrica.
Não tenho dúvida em afirmar que, se todo crente em Jesus Cristo levasse uma vida coerente com a santidade do Deus que o salvou; se zelasse pelo bom testemunho; se procurasse ter uma vida cada vez mais parecida com a vida que Cristo teve aqui neste mundo, certamente teríamos, num futuro bem próximo, um número sensivelmente menor de descrentes neste nosso maravilhoso Brasil.
Portanto prezados leitores, não há momento melhor, nem mais interessante, de colocarmos em prática a oportuna exortação do apóstolo Pedro, que diz: "antes, santificai a Cristo, como Senhor, em vosso coração, estando sempre preparados para responder a todo aquele que vos pedir razão da esperança que há em vós" (1Pe 3.15).
Que Deus nos permita dizer mui brevemente, como fruto de uma vida separada para Ele e dependente Dele: O Brasil verdadeiramente é do Senhor Jesus!
(Transcrito da Revista da JMN 2009)

7 de ago de 2009



Encerra hoje o nosso Instituto de Inverno.Começamos na quarta-feira refletindo sobre o tema: "Como seria minha igreja se nela todos servissem como eu?" com o pastor Dercinei Figueiredo.

Ontem estivemos refletindo sobre: "Revitalizando relacionamentos no exercício do perdão" com a Educadora e Psicóloga Eunice Menezes.

Hoje será nosso encerramento com a Educadora Vera do Sacramento falando sobre o tema: "REMOVENDO ENTRAVES NA PRÁTICA DA INTERCESSÃO"

Vá a página de Educação Religiosa e confira as fotos...

27 de jul de 2009

Atenção!!!.



Devido a uma pequena falha em nosso boletim,estamos colocando aqui a lista corrigida, para aqueles que desejam ligar para os nossos aniversariantes desta semana.

8 de jul de 2009

Atenção crianças e voluntários!!!




Próximo sábado (11/07)teremos uma missão pra lá de especial a partir das 9:00h com muita alegria, histórias,atividades de artes,recreação e muito mais... Não deixe de fazer a sua inscrição ainda hoje.