23 de out de 2009

SEMEANDO COM SABEDORIA

São grandes os desafios da obra missionária em nosso País. Na conquista da Pátria para Cristo três grandes alvos nos impulsionam à ação: a Plantação de igrejas, o Evangelismo e Discipulado e a Ação Social.
São três áreas, com um mesmo objetivo: alcançar vidas para Jesus, levando o amor e a Palavra de Deus aos corações.
Essa chama precisa estar acesa em nossos corações. Muitas vidas ao nosso redor estão sedentas de amor e da Palavra de Deus.
"O semeador saiu a semear..." (Mt 13.2). Precisamos semear, distribuir frutos e não apenas sementes. Produzindo o fruto do Espírito, distribuímos a mensagem de Deus em tudo o que fazemos.
Podemos alcançar os incrédulos, os miseráveis, os marginalizados, os famintos ou os excluídos com a pregação, oferecendo-lhes uma Bíblia, mas o melhor caminho é demonstrar amor, o que pode ser traduzido em atenção, carinho, afeto, alimento, abrigo, roupa, emprego, educação, tratamento de saúde... Afinal, o amor é a essência do próprio Deus, e sempre haverá ao nosso lado alguém necessitado.
Jesus em sua passagem pela Terra atuou onde havia necessidades, atuou de acordo com as necessidades, demonstrou genuína compaixão.
Jesus viu a multidão faminta, e disse aos discípulos: "dai-lhes vós de comer" (Mc 6.37); multiplicou os pães e os peixes e alimentou a todos. Os discípulos distribuíram o que Jesus lhes entregou. Quanto nos tem sido entregue? Temos distribuído? Também Ele não se tornou provedor daquele povo. Como indivíduos e como igreja precisamos socorrer os que estão em emergência, e depois ensinar-lhes um meio de sustento próprio. A obra social é uma frente de trabalho que a igreja não pode negligenciar.
Que Deus nos ajude para que, a cada dia, tenhamos o fruto certo para entregar a quem de nós se aproximar. Que o Senhor faça germinar a divina semente em cada coração.
(Transcrito da revista da campanha - JMN)

Nenhum comentário:

Postar um comentário