Barra de vídeo

Loading...

3 de dez de 2012

Vida frutífera



Como podemos nos tornar espiritualmente saudáveis? Jesus nos diz: ‘‘Eu sou a videira, e meu Pai é o agricultor. Todo ramo, mesmo estando em mim, que não dá fruto, ele corta; e todo que dá fruto ele poda, para que dê mais fruto ainda. Vocês já estão limpos, pela palavra que lhes tenho falado. Permaneçam em mim, e eu permanecerei em vocês. Nenhum ramo pode dar fruto por si mesmo, se não permanecer na videira. Vocês também não podem dar fruto, se não permanecer em mim. Eu sou a videira; vocês são os ramos. Se alguém permanecer em mim e eu nele, esse dará muito fruto; pois sem mim vocês não podem fazer coisa alguma’’. (João 15:1-5)
Na época de Cristo, todo mundo sabia o que era necessário para produzir a melhor colheita de uvas. As pessoas viviam cercadas de vinhedos, de modo que a audiência original de Jesus sabia exatamente o que ele estava descrevendo. Mas talvez não entendamos isso muito bem. Por isso, vamos examinar o texto com maior profundidade.
Primeiramente, Jesus diz: ‘‘Eu sou a videira’’. Numa vinha, a videira é a fonte de energia, a parte que fornece nutrientes e produz as uvas. Depois da videira, Jesus descreve os ramos, ou seja, nós. Se estiver conectado a videira verdadeira, você é um ramo. Por mais que a idéia não pareça do nosso agrado, os ramos não conseguem produzir frutos sozinhos. Fomos criados para estar conectados a uma fonte de energia maior. Os ramos dão fruto, mas sem a videira não podem produzi-los. Perceba o que Jesus diz aos ramos: ‘‘Permaneçam em mim’’. Permanecer significa simplesmente estar conectado. Se seu desejo é ter saúde espiritual, então você precisa estar conectado a Cristo, a videira. Esse é nosso dever. É tudo o que precisamos fazer! Se você quer reduzir estresse, tanto neste mês quanto daqui para frente, entenda que seu papel na vida é estar conectado à videira.
Às vezes, esqueço meu papel e tento ser a videira. Invento um plano, um cronograma, uma lista de objetivos e faço um planejamento. Então, tento realizar meu projeto e fazer com que tudo aconteça de acordo com o cronograma que estabeleci. No fim das contas, fico tão estressado que perco toda a minha energia. Fico frustrado, exausto e sem nada para mostrar como resultado de meus esforços. Esqueço que, por si só, o ramo não pode produzir vida; ele só pode extrair vida da videira. Por mais estranho que isso possa parecer, não depende de você produzir resultados. Você não é responsável por produzir frutos; Jesus é. Você não precisa suar, esforçar-se, trabalhar cada vez mais ou disciplinar-se para ser mais espiritual por meio da simples força de vontade. Quando você se der conta dessa verdade, ela lhe trará uma liberdade incrível!

(Texto extraído do livro: Um mês para viver)

Nenhum comentário:

Postar um comentário